Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Terça, 21 Maio 2019
Muito Nublado

27°C

Condeúba

Muito Nublado

Umidade: 50%

Vento: 9 km/h



Pedro Tavares critica preços de passagens aéreas em Comissão de Infraestrutura na AL-BA

Publicado por     |   30 Abr 2019
  |  
Pedro Tavares critica preços de passagens aéreas em Comissão de Infraestrutura na AL-BA
Foto: Divulgação

O presidente da Comissão de Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico e Turismo, deputado estadual Pedro Tavares (DEM), teceu duras críticas nesta terça-feira (30) à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) ao relatar o que chamou de “prática abusiva das tarifas aéreas”. A fala ocorreu durante a reunião do colegiado na Assembleia Legislativa da Bahia.

Tavares citou exemplos, como o preço de uma passagem aérea de Salvador para Barreiras, que no mesmo dia pode oscilar de R$ 943 a R$ 1.293. Outro exemplo “exorbitante” de tarifa aérea é sair da capital soteropolitana a Porto Seguro. O deslocamento pode custar de R$ 531 a R$ 1.792. “É mais barato ir à Brasília do que se deslocar dentro da Bahia”, condenou. A ocilação dos valores também ocorre entre estados brasileiros. Ir à Petrolina sai por R$ 641 a R$ 701, agora, a volta dispara assustadoramente de R$ 1.234 a R$ 1475.

“É inadmissível assistir de braços cruzados a uma modalidade que cobra mais caro para voos regionais e domésticos do que ir para fora do Brasil. É uma forma de se fechar para o turismo interno, de dizer não a qualquer iniciativa de fomento a cultura, a economia para quem está na Bahia, assim como quem quer vir de outro estado para cá. Não é de agora que a Bahia precisa reaquecer o turismo e aumentar o número de visitantes locais e de estrangeiros, porém com essas tarifas aéreas tão elevadas se torna impraticável”, disse Tavares.

Para o democrata é preciso discutir a questão, exaustivamente e buscar da Anac, justificativas. “Se é que existe um argumento que explique tais preços! Não há lógica um preço tão alto para distâncias curtas e até entre estados vizinhos, enquanto ir para fora do país é bem mais em conta. Como atrair eventos, exposições, investimentos empresariais para gerar emprego e a Bahia arrecadar mais, se só para vir aqui ou em ir para outros estados temos que desembolsar muitos mais?”, indagou.

O parlamentar entende que é necessário travar uma luta contra o aumento constante e abusivo das tarifas aéreas. “Vamos lutar contra essa exploração comercial, fazer com que o cidadão seja respeitado, como consumidor e ainda incentivar o turismo na Bahia. Temos que ser firmes na luta por preços mais justos. É passagem aérea, é combustível e demais insumos. Chega de pagar a mais”, enfatizou Tavares.

FONTE: Bahia Notícias

Gabrielle S Valentin

Bacharelanda em Direito pela Faculdade Estácio de Sá, Consultora da UNESCO (braço da ONU voltado para a educação) e empreendedora. Gosta de escrever e desenvolver atividades ligadas ao jornalismo.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.