Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Sexta, 22 Novembro 2019
Muito Nublado

31°C

Condeúba

Muito Nublado

Umidade: 30%

Vento: 11 km/h

A Defesa Civil de Minas Gerais informou, nesta terça-feira (12), que subiu para 201 o número de mortes confirmadas no desastre da Vale, em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com a corporação, 107 pessoas continuam desaparecidas.

No dia 25 de janeiro deste ano, a barragem da Mina Córrego do Feijão se rompeu, matando dezenas de pessoas e contaminando o Rio Paraopeba, um dos afluentes do Rio São Francisco. Os rejeitos devastaram a área administrativa da mineradora, incluindo o refeitório, onde muitos trabalhadores almoçavam na hora do rompimento. A usina ITM de beneficiamento também foi atingida, assim como vagões de trens e veículos que estavam na empresa. Após varrer a mineradora, a lama atingiu comunidades de Brumadinho destruindo casas, inclusive uma pousada, a atingindo propriedades rurais.

Até a noite desta terça-feira, 201 corpos foram identificados pela Polícia Civil. A busca por desaparecidos continua em Brumadinho, com 136 bombeiros militares em serviço. Nesta terça, o Corpo de Bombeiros atuou com 20 frentes de trabalho, 81 máquinas pesadas, cão farejador, uma aeronave e dois drones.

Números da tragédia:
201 mortos identificados
107 desaparecidos
395 localizados

FONTE: G1

Com mandados de busca em endereços ligados ao senador e presidente nacional do PP, Ciro Nogueira, a Polícia Federal (PF) deflagrou a Operação Compensação na manhã desta sexta-feira (22). A ação é decorrente de um inquérito aberto no Supremo Tribunal Federal (STF) e foi autorizada pela ministra Rosa Weber, que batizou a operação.

Segundo informações do G1, a PF investiga supostos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

 Com isso, cerca de 30 policiais federais cumpriram mandados de busca e apreensão em Teresina, no Piauí, na cidade de São Paulo e em Brasília. Envolvidos no processo também foram intimados a depor.

 De acordo com a publicação, essa investigação nasceu a partir de depoimentos prestados por colaboradores que afirmaram ter repassado cerca de R$ 43 milhões ao Partido Progressista (PP) por meio de pagamentos feitos em espécie e doações oficiais, intermediadas por Nogueira. A suspeita é de que o senador fez isso em troca de apoio político do partido na campanha eleitoral para a eleição presidencial de 2014.

Em seu último pronunciamento oficial de Natal, na noite desta segunda-feira (24), o presidente Michel Temer (PMDB) agradeceu a todos os brasileiros, até aqueles que não o apoiaram, e destacou os feitos de sua gestão. “[Quero] agradecer a todos os brasileiros. Indistintamente. Aos que me apoiaram e também aos que não me apoiaram. Porque democracia é isso.

É poder pensar e provar que é possível fazer mais pelo Brasil e pela vida de todos, independentemente das dificuldades, das barreiras impostas”, disse ele, destacando que “cabe ao tempo demonstrar” seus esforços ao longo dos dois anos e meio em que esteve à frente do governo. “Saio com a alma leve e a consciência do dever cumprido. De coração, de coração mesmo, o meu muito obrigado a todos vocês e uma feliz noite de Natal. Fiquem com Deus, fiquem em paz”, acrescentou.

“Valeu cada obstáculo vencido, cada momento vivido, cada conquista feita”, disse Michel Temer, que teve números recordes de rejeição na presidência. “Podem estar certos de que não poupei esforços, nem energia e sei que entrego um Brasil muito melhor do que aquele que recebi. Ficam as reformas e os avanços, que já colocaram o nosso país em um novo tempo”, afirmou, ressaltando que é desejo de todos ter um Brasil “cada vez mais próspero e cada vez mais fraterno, cada vez mais igual”.

O futuro ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, anunciou nesta quinta-feira (6) que Damares Alves será a ministra de Mulher, Família e Direitos Humanos no governo Jair Bolsonaro. Segundo informações do G1, ela é advogada e pastora evangélica, além de ocupar cargo como assessora do senador Magno Malta (PR-ES).

 

O futuro chefe da Casa Civil declarou ainda que a pasta que será dirigido por Damares vai ficar responsável pela administração da Fundação Nacional do Índio (Funai). Nos últimos dias, Onyx e Bolsonaro indicaram que ainda havia dúvidas sobre qual ministério iria gerir o órgão.

 

Fonte: Bahia Notícias

O presidente da República, Michel Miguel Elias Temer Lulia, destacou nesta quarta-feira (5) a participação dos cientistas e pesquisadores no crescimento do Brasil. Em discurso durante a 29ª edição do Prêmio Jovem Cientista, ele ressaltou os avanços no setor e as ações do governo para reduzir a burocracia e incentivar a inovação. Neste ano, nove estudantes, do ensino médio à pós-graduação, e uma instituição de ensino, de nove estados diferentes, tiveram seus trabalhos reconhecidos na premiação. A edição premiou trabalhos relacionados com o tema “Inovações para conservação da natureza e transformação social”. “O Brasil deve muito à ciência brasileira”, disse Temer, no seu discurso após participar da entrega do Jovem Cientista.

Para o presidente, não é possível ficar sem o aconselhamento e a visão privilegiada dos pesquisadores, que prestam uma “inestimável colaboração”. “Nós contamos com a inteligência e criatividade dos nossos cientistas e pesquisadores”, acrescentou. Entre os agraciados está Sandro Lúcio Nascimento Rocha de 17 anos, aluno do 3º Ano do Ensino Médio no Colégio Estadual Norberto Fernandes, em Caculé, que ficou em 2º lugar na categoria Ensino Médio no Prêmio Jovem Cientista com o projeto de “Captação e uso da água da chuva no ambiente escolar através de caixa feita a partir de garrafas pet e cimento ecológico da cinza da fibra do coco (cocos nucífera)”.

 

Fonte: Blog do Anderson

 

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve o indeferimento da candidatura a deputado federal do ex-prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho (PCdoB). A Corte confirmou por 7 votos a 0 a primeira decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) que considerou o comunista inelegível após uma condenação em Segunda Instância pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA).

 

Isaac conseguiu manter o nome nas urnas após suspender liminarmente a condenação do TJ-BA em um caso de improbidade administrativa envolvendo o orçamento de Juazeiro à época em que administrava o município do norte baiano. Sub júdice, os votos de Isaac não foram computados no coeficiente eleitoral e colocavam em suspensão uma das vagas conquistadas pela oposição ao governador Rui Costa na Câmara dos Deputados (leia mais aqui). Com a decisão do TSE, o mandato de Leur Lomanto Jr. (DEM) é confirmado e o parlamentar garante a passagem para Brasília, segundo o advogado eleitoral Ademir Ismerim.

 

Isaac é o segundo ex-prefeito baiano a ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa em 2018. No entanto, diferente de Luiz Caetano, de Camaçari , o comunista já tinha a candidatura sub júdice desde o registro no TRE-BA.

 

Fonte: Bahia Notícias

Uma criança brasileira de quase um ano de idade foi a primeira no mundo gerada por uma mãe em um útero doado de uma mulher morta. O procedimento pioneiro foi realizado no Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo em 2017 e foi publicado em um veículo científico especializado, o "The Lancet", nesta terça-feira (4).

 

A receptora do órgão, uma mulher de 34 anos, é portadora da Síndrome de Rokitansky e por esse motivo nasceu sem útero. "Eu achava que isso ia demorar muito para chegar no Brasil, só daqui a dez anos ou mais, quando eu não teria mais idade para fazer", disse a mulher, que preferiu não ser identificada, ao jornal O Globo.

 

A paciente de Rokitansky descobriu que tinha a doença aos 25 anos, quando se casou. Ela contou que tomou conhecimento sobre a possibilidade de transplante através de um grupo de apoio a mulheres com a mesma condição de saúde.

 

"A vantagem de uma doadora falecida é que não temos o risco cirúrgico na retirada e ela é mais simples, mais curta e com um custo menor", explicou um dos médicos responsáveis pelo procedimento, Dani Ejzenberg.

 

Fonte: Bahia Notícias

A mais nova fase da Operação da Lava Jato foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (5), e investiga a organização criminosa estruturada que, de acordo com a Polícia Federal (PF), agia para lesar a Petrobras na área de trending. Há 11 mandados de prisão preventiva, que é por tempo indeterminado, e 26 de busca e apreensão no Rio de Janeiro (RJ) e um em Petrópolis (RJ).

Até o momento, cinco pessoas foram presas. Dez mandados de prisão devem ser cumpridos.

Nesta fase da investigação policial foi possível delinear a existência de organização criminosa estruturada e atuante no sentido de lesar a Petrobras, especialmente em sua área de trading, onde são realizados os negócios de compra e venda de petróleo e derivados para ou da Petrobras por empresas estrangeiras.

Além disso se verificou também indícios de irregularidades na realização de negócios de locação de tanques de armazenagem da ou para a Petrobras pelas mesmas empresas investigadas.

Todos estas operações ocorriam de forma a viabilizar o pagamento de vantagens indevidas a executivos e ganhos acima dos praticados no mercado para estas empresas.

 

Fonte: Bahia Notícias