Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Quinta, 13 Dezembro 2018
19°C

Condeúba

Parcialmente nublado Humidade: 93%
Vento: E12.87 km/h

O ex-jogador do Vitória da Conquista, Cacá, já chega em clima de festa a um dos times mais tradicionais do México, o Necaxa.

Renan Olímpio, avaliou a JEMAB 2013

29 de julho de 2013

Muita prática esportiva e confraternização tomaram conta das dependências da AABB Condeúba (BA). Nos dias 28 e 29 de julho, o clube recebeu de portas abertas cerca de 200 atletas de Associações Atléticas de Vitória da Conquista, Itambé, Brumado e Condeúba para mais uma edição da Jornada Esportiva Microrregional de AABBs (JEMAB).   Além de toda a diretoria do clube, que tem à frente o presidente Antônio Marcos Braz Terencio (Tom-Tom), também foram apreciar as disputas no clube policiais, representante da Secretaria Municipal da Educação, vereadores, o Prefeito Guto Ribeiro e o representante da FENABB. O presidente do CESABB-BA, Genildo Reis, também compareceu.   Atividades sociais também contribuíram para ampliar a integração dos participantes. No primeiro dia, as crianças se apresentaram com coreografias e danças.   Foi um evento muito bem integrado, tudo saiu dentro do esperado. Tivemos um café da manhã, almoço e jantar para os atletas. Enfim, momentos em que os presentes se confraternizaram ainda mais.   O presidente da AABB de Vitória da Conquista, Renan Olímpio, avaliou a JEMAB como extremamente importante à integração dos funcionários do BB, familiares e clientes do banco que são associados do clube. “Essas iniciativas de congraçamento são muito importantes, sobretudo aqui na nossa região. E vale ressaltar que, embora uma Jornada favoreça as disputas no âmbito esportivo, no final das contas não há perdedores ou ganhadores; todos saem ganhando: AABB, comunidade e participantes”, afirmou. A cada dia, um público estimado em 300 pessoas passou pela AABB.

Confira os resultados:

Modalidade

Campeão

Vice-Campeão

Futebol de salão

Vit. da Conquista

Condeúba

Minicampo supermaster

Vit. da Conquista

Itambé

Minicampo master

Vit. da Conquista

Itambé

Minicampo adulto

Condeúba

Itambé

Vôlei de areia masculino

Vit. da Conquista

Condeúba

Vôlei de areia feminino

Vit. da Conquista

Brumado

Tênis de mesa masculino

Condeúba

Vit. da Conquista

Sinuca

Condeúba

Vit  da Conquista

 

 

O empate conquistado no minuto final do clássico contra o Botafogo que tirou o Flamengo da zona de rebaixamento, colocando o Fluminense em seu lugar, teve sabor de vitória para os jogadores. Tanto, que eles até se confundiram na hora de comemorar.

“No primeiro tempo não conseguimos jogar. Conseguimos nos impor no segundo, articulamos jogadas, criamos boas chances, e no final fomos premiados com a ‘vitória’ (empate)”, declarou o defensor João Paulo.

O experiente lateral direito Léo Moura também se confundiu, mas não se esqueceu do primeiro tempo ruim que a equipe rubro-negra teve e pediu atenção para que os erros não se repitam.

“O grupo está de parabéns por essa ‘vitória’ (empate). Esse tipo de jogo faz o Flamengo ficar forte. Temos que ajustar os erros da primeira etapa e trabalhar em cima dos acertos do segundo tempo”, emendou.

O Flamengo volta a campo na próxima quarta-feira, a partir das 21h50 (de Brasília), quando encara o Bahia na Arena Fonte Nova. Com 10 pontos, o time ocupa a 15ª colocação da Série A.

Confira a Classificação do Brasileirão:

 

Classificação

 

CLUBES

P

J

V

E

D

GP

GC

SG

1º - Cruzeiro

18

9

5

3

1

22

8

14

2º - Internacional

18

10

5

3

1

18

15

3

3º - Botafogo

17

9

5

2

2

13

8

5

4º - Coritiba

17

9

4

5

0

12

8

4

5º - Bahia

16

10

4

4

2

10

10

0

6º - Vitória

15

9

4

3

2

14

9

5

7º - Grêmio

15

9

4

3

2

11

8

3

8º - Vasco

13

9

4

1

4

14

17

-3

9º - Santos

12

9

3

3

3

12

10

2

10º - Goiás

12

9

3

3

3

8

12

-4

11º - Corinthians

11

9

2

5

2

6

5

1

12º - Ponte Preta

10

8

3

1

4

9

10

-1

13º - Atlético-MG

10

8

3

1

4

8

11

-3

14º - Criciúma

10

9

3

1

5

12

17

-5

15º - Flamengo

10

9

2

4

3

9

9

0

16º - Atlético-PR

10

9

2

4

3

16

17

-1

17º - Fluminense

9

9

3

0

6

12

15

-3

18º - São Paulo

9

11

2

1

6

7

16

-9

19º - Náutico

7

9

2

1

6

7

16

-9

20º - Portuguesa

7

9

1

4

4

10

15

-5

 

 

 

P: Pontos - J: Jogos - V: Vitórias - E: Empates - D: Derrotas
GP: Gols pró - GC: Gols contra - SG: Saldo de gols

 

Libertadores

 

Zona de rebaixamento

 

 

 

 

 

 

 

 

 

             

 

Classificação do Brasileirão 2013

  P J V E D GP GC SG
1º - Internacional 18 9 5 3 1 18 12 6
2º - Botafogo 16 8 5 1 2 12 7 5
3º - Coritiba 16 8 4 4 0 11 7 4
4º - Cruzeiro 15 8 4 3 1 18 7 11
5º - Vitória 14 8 4 2 2 13 8 5
6º - Bahia 13 9 3 4 2 8 9 -1
7º - Santos 12 8 3 3 2 12 9 3
8º - Grêmio 12 8 3 3 2 9 8 1
9º - Goiás 12 8 3 3 2 7 10 -3
10º - Atlético-MG 10 7 3 1 3 7 7 0
11º - Vasco 10 8 3 1 4 11 15 -4
12º - Criciúma 10 8 3 1 4 10 14 -4
13º - Corinthians 10 8 2 4 2 6 5 1
14º - Fluminense 9 8 3 0 5 12 13 -1
15º - Flamengo 9 8 2 3 3 8 8 0
16º - São Paulo 8 10 2 2 6 11 14 -3
17º - Ponte Preta 7 7 2 1 4 8 10 -2
18º - Atlético-PR 7 8 1 4 3 13 15 -2
19º - Portuguesa 7 8 1 4 3 8 12 -4
20º - Náutico 4 8 1 1 6 4 16 -12

P: Pontos - J: Jogos - V: Vitórias - E: Empates - D: Derrotas
GP: Gols pró - GC: Gols contra - SG: Saldo de gols

  Libertadores
  Zona de rebaixamento
 

 CONFIRA OS JOGOS DA  9ª RODADA DO BRASILEIRÃO 2013

DIA 24

Horário Rodada Jogo Local TV
21h 12 São Paulo 0 x 1 Internacional Morumbi  

DIA 27

Horário Rodada Jogo Local TV
18h30 9 Vasco x Criciúma São Januário, no Rio Fechada e PPV
18h30 9 Portuguesa x Atlético-PR Canindé, em São Paulo PPV
21h 9 Ponte Preta x Santos Moisés Lucarelli, em Campinas PPV

DIA 28

Horário Rodada Jogo Local TV
16h 9 Corinthians x São Paulo Pacaembu, em São Paulo Aberta e PPV
16h 9 Grêmio x Fluminense Arena Grêmio, em Porto Alegre Aberta e PPV
16h 9 Náutico x Internacional Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata Aberta e PPV
16h 9 Cruzeiro x Atlético-MG Mineirão, em Belo Horizonte PPV
18h30 9 Flamengo x Botafogo A definir PPV
18h30 9 Bahia x Goiás Arena Fonte Nova, em Salvador PPV
18h30 9 Coritiba x Vitória Couto Pereira, em Curitiba Fechada e PPV

O Galo cantou "campeão" madrugada adentro. Na virada de quarta para quinta-feira, o Atlético-MG derrotou o Olímpia por 2 a 0 no tempo regulamentar (gols de Jô e Leonardo Silva) e não aproveitou o fato de jogar com um a mais na prorrogação, mas levou a melhor na disputa dos pênaltis e conquistou no Mineirão o título de melhor da América pela primeira vez.

O time treinado por Cuca teve muito mais espaço nos 30 minutos extra e não foi capaz de balançar a rede Olimpista pela terceira vez. Contudo, nos pênaltis o goleiro Victor mais uma vez brilhou. Ele defendeu a primeira cobrança adversária, mal efetuada por Miranda, e abriu o caminho para o triunfo decisivo. Depois de Alecsandro, Guilherme, Jô e Leonardo Silva converterem a favor dos donos da casa, Aranda chutou a bola no travessão e decretou o resultado final.

Parabéns a todos os Atleticanos e ao futebol Brasileiro pela quarta conquista da Taça Libertadores seguida, agora temos 17 títulos contra 22 dos Argentinos.

Campeonato Brasileiro 2013

8ª RODADA

DataHoraMandantePlacarVisitanteLocalCidade
20/07 18:30 Botafogo x Náutico São Januário Rio de Janeiro
20/07 18:30 São Paulo x Cruzeiro Morumbi São Paulo
20/07 18:30 Criciúma x Grêmio Heriberto Hülse Criciúma
21/07 16:00 Vitória x Bahia Arena Fonte Nova Salvador
21/07 16:00 Internacional x Flamengo Centenário Caxias do Sul
21/07 16:00 Atlético-PR x Corinthians Vila Capanema Curitiba
21/07 16:00 Santos x Coritiba Vila Belmiro Santos
21/07 18:30 Fluminense x Vasco Maracanã Rio de Janeiro
21/07 18:30 Goiás x Portuguesa Serra Dourada Goiânia
21/07 18:30 Atlético-MG x Ponte Preta Independência Belo Horizont

Por Elizeu Brito

 

O Brasil apagou a seleção espanhola na vitória por 3 a 0 neste domingo (30 de junho), no estádio do Maracanã, e garantiu o título da Copa das Confederações. Com dois gols de Fred e mais um de Neymar, a equipe do técnico Luiz Felipe Scolari venceu os atuais campeões mundiais e garantiu pela quarta vez o campeonato, conquistado também em 1997, 2005 e 2009.

Com a conquista, exatamente 11 anos após o pentacampeonato mundial de 2002, o técnico Luiz Felipe Scolari resgatou de vez a confiança da torcida local a uma temporada do Mundial de 2014. Também deu aos seus adversários a mensagem que queria: os verdadeiros toureiros do futebol são brasileiros (apesar da 22ª colocação no ranking da Fifa), e não espanhóis. Do outro lado, o colega Vicente del Bosque tentará recuperar a sua equipe de um raro tropeço contundente desde os triunfos na Copa do Mundo de 2010 e nas Eurocopas de 2008 e 2012.

Justamente por esses últimos títulos, era a Espanha a favorita a tourear no Maracanã neste fim de semana. Não foi o que se viu. Acuados pelo apoio de milhares de torcedores, os visitantes não resistiram à pressão do Brasil, que abriu o placar logo no princípio, ampliou ainda no primeiro tempo e sacramentou o resultado no segundo, com direito a pênalti perdido por Sergio Ramos e a Piqué expulso. No final, só faltou o público cantar “Touradas em Madri”, sucesso na voz de Braguinha, como havia feito quem presenciou a goleada por 6 a 1 sobre os espanhóis no antigo Maracanã, em 13 de julho de 1950.

O técnico Luiz Felipe Scolari não usa as mesmas reverências exageradas de seus jogadores ao falar sobre a Espanha, adversária da Seleção Brasileira na final da Copa das Confederações, no Maracanã. Neste sábado, véspera da partida, Felipão nem sequer seguiu o senso comum de apontar o time europeu como favorito à conquista do título.

“Não considero a Espanha favorita”, adiantou, antes de fazer os seus elogios à equipe comandada por Vicente del Bosque. “É uma seleção que impôs o seu futebol nos últimos seis anos, ganhando duas Eurocopas e um Mundial com praticamente a mesma equipe. Eles têm algumas vantagem sobre nós, mas contamos com a credibilidade dos nossos torcedores. Vamos buscar aquilo com que sonhamos desde o início do campeonato”, avisou.

Com a insistência para que gastasse mais algumas palavras favoráveis à Espanha, Felipão foi enfático: “A Espanha é espetacular, mas tem alguns defeitos, como qualquer outra seleção”.

O treinador não inveja nem mesmo o estilo espanhol de jogar futebol, com constante troca de passes e predomínio absoluto de posse de bola. Ele chegou a fazer referência à derrota brasileira para a Itália na Copa do Mundo de 1982 para lembrar que “só jogo bonito não ganha jogo”. “O resultado fica para a história. O jogo bonito passa. Essa é a minha filosofia, gostem ou não”, disse.

 

Com um título de Copa das Confederações sobre o jogo bonito espanhol, Felipão com certeza teria muito mais partidários de sua filosofia. Para isso, tentou começar a ganhar a final do Maracanã já com o seu discurso otimista.

“A Espanha pode ter alguma superioridade sobre nós, mas reunimos totais condições de passar por cima disso com competência e espírito”, bradou Luiz Felipe Scolari.

fonte: gazeta esportiva