Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Sexta, 18 Janeiro 2019

Cannot get Condeúba location id in module mod_sp_weather. Please also make sure that you have inserted city name.

×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 42

Agentes do Comando de Policiamento Especializado no município de Itaquara, Vale do Jiquiriça, autuaram quatro pessoas em flagrante por tentativa de compra de votos. De acordo com informações da Polícia Militar da Bahia, duas guarnições da Companhia de Policiamento Especializado (CIPE Central) abordaram Gutemberg de Jesus Almeida, João Paulo Queiroz, Edivar de Jesus Almeida e Noberto Brito Santos em um veículo de cor preta na madrugada da última sexta-feira (1º). Na ocasião, após a revista do veículo, os policiais localizaram santinhos do candidato a prefeito da cidade pelo PSB, Marco Aurelio Wanderley Cruz Costa no porta luvas. Seis dos folhetos encontrados estavam enrolados com quantia de R$ 100 e R$ 90 foi encontrado em outro santinho, além de três listas com nomes de algumas pessoas. Quando indagados sobre o material, os suspeitos informaram que estavam fazendo visita na localidade e negaram que estivessem cometendo crime eleitoral. Ainda de acordo com a polícia, o fato foi informado à justiça eleitoral, que orientou a polícia conduzisse os indivíduos até a delegacia do município.

Pelo menos 7,5 mil pessoas foram assistir ao comício do candidato de oposição, Silvan Baleeiro, que aconteceu no Bairro Divino Espírito Santo na noite dessa última quinta-feira, 29.

O evento começou por uma longa caminhada saindo do comitê central do candidato, que fica na praça da feira, percorreu algumas ruas do Divino e culminou com os discursos na rua 21 de Abril.

 

Blog da Resenha Geral

O juiz Wander Cleuber Oliveira Lopes, da 39ª Zona Eleitoral de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, determinou a busca e apreensão de panfletos e adesivos distribuídos pela coligação liderada pelo PT na cidade, que tem como candidato prefeiturável o deputado estadual Zé Raimundo. As peças distribuídas na cidade relacionavam Gusmão ao presidente Michel Temer (PMDB), que teria, segundo os panfletos, assinado o fim de novas etapas do Minha Casa Minha Vida, entre outros benefícios sociais.

A coligação de Herzem Gusmão acionou a Justiça e conseguiu a decisão a favor da apreensão do material gráfico. "A permissão desse tipo de propaganda vai de encontro à legislação eleitoral, além do que o pleito eleitoral já está próximo, não havendo tempo para outra medida, senão a busca e apreensão no comitê central da representada", determinou o juiz eleitoral.

 

As eleições vem chegando nos seus dias finais e os tradicionais comícios vão marcando o fim desse período de 45 dias até as disputas que acontecerão no próximo dia 02 de Outubro.

No início da noite desse sábado, 24, o grupo do PT que tem José Augusto Ribeiro (Guto) como candidato disputando à reeleição organizou uma caminhada que teve início na Praça Bom Jesus e seguiu até o Bairro Divíno Espírito Santo, onde finalizou com os discursos.

Mesmo com um público muito menor do que as caminhadas do pleito de 2012 que elegeu o prefeito, cerca de 3 mil pessoas ainda acompanharam o candidato.

No próximo dia 29 o candidato de oposição, Silvan Baleeiro, também realizará um evento semelhante, com uma caminhada saindo do comitê central, na Praça da Bandeira (Praça da Feira) e seguirá até o Bairro Divino.

Esses dois eventos devem encerrar o calendário político dos candidatos na sede.

O prefeito Guto perdeu totalmente a classe em um comício no bairro Divino Espírito Santo na noite dessa segunda-feira, 19. José Augusto demonstrou descontrole emocional e foi apoiado pelo secretario municipal de administração, o senhor Décio Pereira.

O fato aconteceu no momento em que discursava para algumas dezenas de populares que foi assistir ao evento, o prefeito escutou palavras de ordem como "Fora PT" vindo de outro grupo de populares do bairro que manifestavam democraticamente atrás do caminhão que servia de palanque, se virou e começou a discutir com o grupo, ignorando o público que aguardava seu discurso.

 

Dentre expressões baixas utilizadas na sua fala, o prefeito chegou a dizer aos eleitores "no dia 2 de outubro, eu vou dá um couro em vocês. Dia 2 vocês vão tomar um couro... eu vou bater para doer...", em seguida o prefeito ainda disse "Vocês deviam tomar vergonha nas suas caras...", referindo-se aos populares.

 

Depois que retornou o discurso, o prefeito ainda continuou com a agressividade nas suas palavras: "Isso é só um aperitivo do que vai acontecer aqui dia 24 (dia em que tem comício do seu grupo no bairro)... A coisa vai pegar aqui dentro... Essa cambada de desorganizados, de oportunistas vão cair no cacete dia 2 de outubro." No final ele usou uma colocação bíblica para finalizar sua fala.

Seguindo na mesma linha do prefeito, no vídeo acima é possível ver o Secretário Décio Pereira fazendo gestos para que o público que estava à frente do caminhão fosse para trás ao encontro dos que manifestavam, o que poderia ter gerado um conflito de maiores proporções.

Logo o caso ganhou as redes sociais e viralizou no WhatsApp. Eleitores chegaram a gravar áudios repudiando a ação do prefeito e declarando que votaria contra em repúdio ao acontecido.

Áudios que se espalharam pelo WhatsApp relatam o fato:

Áudio de um eleitor que explica como começou a discursão

 

Depoimento de eleitor repudiando ação e pedindo respeito para o bairro

 

Outro eleitor se diz espantado com situação em áudio gravado para o WhatsApp

 

 

Sete pessoas foram baleadas durante comício da candidata à prefeitura de Ipiaú, Maria das Graças, com a presença do governador Rui Costa (PT), na noite desta quinta-feira (15). Cerca de três mil pessoas estavam no ato quando ouviram disparos de arma de fogo. Testemunhas contaram ao site Ipiau Online que foram deflagrados pelo menos dez tiros. O evento ocorreu em frente ao Ginásio de Esportes Clériston Andrade.

Testemunhas relatam que o autor do disparos foi um homem que fugiu a pé. A vítima mais grave é Danilo Menezes de Sousa, que foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Prado Valadares, em Jequié. Também foram baleados: Ronaldo Pinto Andrade, atingido na virilha; Saionara Menezes de Souza; em um dos dedos da mão; Joélio dos Santos; baleado no braço; um homem identificado como Alexsandro, baleado no braço e na perna; um jovem identificado pelo prenome de Alan, baleado na perna; e Fábio dos Santos, baleado no pé.

Rui já se preparava para descer do palanque quando começou o ataque. Houve correria no local. A polícia afirma já ter pistas sobre o autor dos disparos e um menor, suspeito de participar do crime, foi apreendido. "É uma prática que a gente sempre imagina que já estava enterrada, a pior forma possível de se fazer política.

Mas a resposta será dura, será firme. A partir de amanhã (16) vamos manter um pelotão especializado da caatinga em Ipiaú até o dia da eleição e um grupamento especializado da Polícia Civil para deixar claro que criminoso, seja da política ou do banditismo, não vai intimidar o estado de direito e nem a sociedade. Aqueles que querem se impor pelo medo terão a força e a mão do estado botando ordem, colocando presos aqueles que querem aterrorizar as famílias de Ipiaú", afirmou Rui.

 

Termina nesta terça-feira (13) o prazo para que partidos políticos, coligações e candidatos enviem à Justiça Eleitoral relatórios dos gastos realizados e dos recursos recebido para financiamento de campanha eleitoral. Os relatórios financeiros devem ser encaminhados, exclusivamente, por meio eletrônico e devem indicar nome e CPF da pessoa física doadora ou o CNPJ dos partidos ou candidatos doadores. Também é preciso identificar os gastos realizados, com detalhamento dos fornecedores.

Na próxima quinta-feira, a prestação de contas parcial será divulgada no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Por conta da Reforma Eleitoral de 2015, partidos, coligações e candidatos passaram a ser obrigados a informar à Justiça Eleitoral o recebimento de doações em dinheiro, em até 72 horas contadas do seu recebimento. Já os relatórios discriminando as transferências do Fundo Partidário, os recursos em dinheiro e os estimáveis em dinheiro recebidos, assim como os gastos realizados, devem ser enviados até 13 de setembro, para prestação parcial, e 30 dias após o pleito, para prestação final.

Caso a prestação de contas não seja apresentada no prazo fixado em lei e da forma determinada, pode ser caracterizada infração grave, apurada no julgamento da prestação de contas final.

Bahia Notícias

A Polícia Federal desarticulou na manhã desta terça-feira (13) uma organização criminosa que prometia fraudar as urnas eletrônicas a serem utilizadas nas eleições municipais de outubro. A Operação Clístenes cumpriu três mandados de prisão preventiva - dois em Brasília (DF) e um em Xangri-lá (RS) -, três mandados de condução coercitiva em Xangri-lá, Canoas (RS) e Piripiri (PI); e cinco mandados de busca e apreensão em Canoas, Xangri-lá, Goiânia (GO) e dois em Brasília.

De acordo com o Uol, a denúncia foi feita por um prefeito da região metropolitana de Porto Alegre. "Os criminosos diziam ter contato com uma empresa que atualiza o software das urnas eletrônicas e cobrariam R$ 5 milhões para, supostamente, fraudar a eleição para prefeito e R$ 600 mil para, supostamente, fraudar a eleição para vereador", disse a nota da PF. A operação deflagrada nesta terça constatou que se trata de estelionato, já que não há indícios de que os criminosos conseguiriam fraudar as urnas eletrônicas, nem mesmo teriam contato com a empresa de atualização do software. Os presos responderão por estelionato e organização criminosa, podendo pegar de quatro a 13 anos de reclusão.