Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Terça, 11 Dezembro 2018
21°C

Condeúba

Predominantemente nublado Humidade: 88%
Vento: E12.87 km/h
×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 42

O prefeito de Condeúba, José Augusto (Guto - PT), parece estar alheio ao delicado momento econômico que o país vem enfrentando. Não bastasse a criação de cargo e mais nomeação, além das mudanças administrativas que vão na contra mão do bom-senso no que se refere a gestões em tempos de crise econômica, eis que agora surge o projeto de Lei Nº 022/2015, para que a câmara de vereadores autorize o prefeito a tomar um empréstimo junto ao DESENBAHIA no valor de R$ 3.000.000,00 (Três milhões de reais).

Faltando apenas um ano para as eleições, e sem qualquer sucesso nas inúmeras tentativas de captar recursos na esfera estadual e federal, sob o comando dos seus companheiros de time / aliados partidários, o prefeito busca uma saída para tentar salvar a imagem da sua gestão - porém com um projeto um tanto polêmico - endividando o município.

O projeto oferece o Fundo de Participação do Município (FPM) e o ICMS como garantia, caso a parcela não seja paga, concede o pleno direito ao credor de debitar diretamente das contas do município o valor que ficar em aberto. Esses recursos são as principais fontes para pagamentos importantes como salários de funcionários e fornecedores.

De acordo com o projeto, não há nenhuma definição clara para aplicação desse recurso. Apenas uma destinação genérica de qual área deve ser aplicada, mas sem qualquer minúcia. 

Caso ele seja aprovado, o município deve contrair uma dívida para os próximos 10 anos, deixando essa herança para as futuras gestões. Ele segue agora em análise por parte dos vereadores, que podem aprovar ou reprovar, e será votado na próxima sessão. 

Veja o projeto na íntegra:

{gallery}projeto-emprestimo-prefeiture{/gallery}

Um longo trabalho investigativo realizado pela equipe de campo da Depol de Condeúba composta Josué Junior (Popular foinha de josué), Márcio Neves (EPC), Pedro Lima (Agente) e Aurelino Ribeiro, pela equipe interna composta por Cláudia Maria (EPC), Jâncer Alves (EPC) e pelo delegado especial Dr. Sérgio Fabiano culminou em uma grande operação policial na última sexta-feira (04), na cidade. As investigações partiram após o registro de assaltos na Zona Rural e a ocorrência de um homicídio em uma estrada vicinal do município. 

Ao todo, foram cinco mandados de busca e apreensão e quatro mandados de prisão, expedidos pelo juiz da comarca de Condeúba. Em cumprimento aos mandados, quatro viaturas sob o comando do delegado Marcos Vinícius, trazendo quinze agentes investigativos, desembarcaram na cidade para dar suporte à operação.

Na ação, em uma das residências alvo, os policiais encontraram um revólver .38 reforçado com muita munição, munições de pistola .25 e duas tocas ninjas adaptadas para a prática de assaltos. Já em outro local, foram apreendidos aparelhos celulares que farão parte do inquérito policial, servindo de provas.

Das quatro pessoas alvo dos mandados de prisão, dois deles já estão presos e dois estão foragidos da justiça. Uma quinta pessoa foi presa em flagrante.

A Polícia informou ainda que as investigações não devem parar e deve acontecer outra operação na cidade dando sequência ao combate do tráfico de drogas e assaltos no município.

{gallery}operacao-policial-condeuba-04-09-2015{/gallery}

Logo no início da manhã desta sexta-feira (04), viaturas policiais do Grupo de Apoio Tático (GAT), da Polícia Civil, já circulavam nas ruas de Condeúba dando início a uma operação de cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão. A polícia da região também dá suporte à equipe que veio de Vitória da Conquista. 

Como a operação ainda está em curso, ao final, divulgaremos maiores informações e o balanço do trabalho realizado pela polícia. A qualquer momento, mais informações.

Moradores da rua Deputado Luis Cabral, no bairro Divino Espírito Santo, entraram em contato com a redação do FRC para apresentar uma denúncia de uma situação grave que vem acontecendo nesse logradouro. De acordo com a informação repassada, um morador da rua vem descartando um líquido fétido nesta rua, sem se preocupar com os danos causados ao meio ambiente e o desconforto aos vizinhos. Segundo uma moradora, uma canaleta improvisada chegou a ser feita por moradores para facilitar o escoamento deste líquido e amenizar o problema.

"Tem de ter alguma forma de evitar isso. Sei la... conversar com os moradores que jogam essa água direto na rua... Água suja de sabão de cozinha, de tudo. Porque todos os dias tem isso lá. Já falamos com a vigilância sanitária e disseram que não é com eles" Desabafou a moradora.

Estes munícipes fazem um apelo aos órgãos públicos responsáveis para que tomem uma medida.

A Loja Maçônica Filhos da Luz 139, de Condeúba, realizará uma Seresta Beneficente no dia 14 de novembro no G.E. Palace Club Pereira. Quem se interessar em reservar mesas pode ligar ou falar pelo do aplicativo WhatsApp através dos números (77) 9121 5586 e (77) 9109 5075.

No dia 5 de Setembro acontecerá a segunda edição do Descontrolados Fest em Condeúba. Fará parte da apresentação no evento as bandas Bonde da Rasgada, Diva de Luxo, Walisson silva, MC Mel e participação de Lerys Bugalu.

Os ingressos estão sendo vendidos pelos comissários do evento. para mais informações, entre em contato pelos números abaixo:

(77) 91910752 - UELLINTON
(77) 91746026 - SAVIO
(77) 91598902 - italo marcos

Um grupo composto por três jovens, menores de idade, espalhou medo e tensão em Condeúba, Cordeiros, Piripá e Mortugaba no último final de Semana. Uma mensagem com um suposto toque de recolher, motivado por vingança, se espalhou na rede de forma viral (quando algo se espalha muito rápido pela internet). Na mensagem, os autores se passaram por paulistas, que estavam na divisa da Bahia com Minas Gerais, chegando a simular som de tiros no fundo do áudio, e ameaçaram atirar em qualquer pessoa que estivesse na rua após as 22 horas nestas cidades.

Sem ter a certeza da veracidade do áudio, moradores das quatro cidades decidiram se resguardar e evitar que o pior acontecesse, evitando sair de casa. Um evento de Voz e Violão que aconteceria em um bar em Condeúba chegou a ser adiado. Foi necessário o envio de reforço de tropa da sede da Companhia em Cândido Sales e o apoio da CIPE-Sudoeste afim de garantir a segurança nas cidades, de acordo com a 80ª CIPM.