Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Sábado, 23 Março 2019
Nublado

26°C

Condeúba

Nublado

Umidade: 63%

Vento: 6 km/h

O plenário da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) manteve, nesta terça-feira (12), dois vetos propostos pelo governador Rui Costa (PT). O primeiro deles, aprovado pelos deputados, trata da decisão do Executivo de não mais extinguir a Companhia de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Conder).

Prevista na reforma administrativa aprovada pela AL-BA no final da última legislatura, a extinção da Conder foi durante criticada pelos servidores da companhia e deputados que passaram em atuar pelo veto da proposta. A pressão foi exitosa, o que levou o governador a desistir da medida (lembre aqui).

Mesma sorte não teve o Centro Industrial do Subaé (CIS) e a Bahia Pesca, extinto e alienada com a aprovação da reforma do governador (veja aqui).

O segundo veto aprovado mesta tarde trata-se do Projeto de Lei encaminhado pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), que extinguiu o Instituto Pedro Ribeiro de Administração Judiciária (Ipraj). Na justificativa, o Estado afirma que a proposição “não observa o princípio da separação de poderes, quando dispõe sobre a alienação”.

De acordo com o líder da maioria, deputado estadual Rosemberg Pinto (PT), o veto representa uma correção a um vício de iniciativa.

 

FONTE: Bahia Notícias

A Associação de Praças da Polícia e Bombeiro Militar da Bahia (APPMBA) se reuniu, na noite desta quarta-feira (5), para discutir as propostas do projeto de Reforma Administrativa apresentadas pelo Governo do Estado no "pacotão" enviado para a Assembleia Legislativa da Bahia.

Em especial, foi discutida a contribuição previdenciária no que tange o aumento da alíquota, de 12% a 14%, e a redução do teto remuneratório, propostos no Art. 4º do PL 22.971/18. Ainda na pauta, os representantes discutiram temas como o programa habitacional para servidores de segurança pública, Planserv e outros assuntos que poderão causar impactos econômicos, como a redução salarial da tropa.

A reunião também contou com a participação da Associação dos Oficiais Militares Estaduais da Bahia - Força Invicta, com o Sindicato dos Delegados de Polícia da Bahia - ADPEB, e com o Sindicato dos Policiais Civis da Bahia - SINDIPOC, SINSPEB e ASBAC.

 

Fonte: Bocão News

O presidente eleito Jair Bolsonaro vai se reunir com Sergio Moro ainda nesta quinta-feira (1). O juiz será convidado formalmente para comandar o Ministério da Justiça.

O contato inicial foi feito por Paulo Guedes na quinta-feira passada.As informações são do O Antagonista.

Depois de muitos elogios, o candidato ao governo do Estado Zé Ronaldo (DEM) confirmou seu apoio a Jair Bolsonaro (PSL) já no primeiro turno da eleição presidencial. Até então, o partido Democratas apoia a candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB).

"Domingo eu vou votar para derrotar o PT. Portanto, o voto domingo é o voto útil", ressaltou o ex-prefeito de Feira de Santana, citando nominalmente o candidato do PSL.

 A declaração foi dada agora há pouco, durante suas considerações finais no debate da Rede Bahia, que acabou no início da madrugada desta quarta-feira (3). “Eu disse na hora que eu entrei nessa casa que eu estou ouvindo nas ruas que o candidato pra derrotar o PT é o Bolsonaro. Então, se o meu desejo é esse…”, esclareceu o democrata.

Pressionado pela imprensa a definir sua posição, ele disse que não estava pedindo voto para ninguém, mas voltou a repetir que vai fazer o necessário para derrotar o PT nesta eleição. Bolsonaro é líder de intenções de votos para a Presidência da República, mas é também o candidato mais rejeitado. Manifestações em apoio à sua candidatura e também contrárias têm sido realizadas em todo o país.

O instituto Real Time Big Data realizou novo estudo sobre a intenção de votos para governador da Bahia. A pesquisa divulgada nesta quarta-feira (3) pela RecordTV Itapoan mostra que o governador Rui Costa (PT), candidato à reeleição, oscilou um ponto para cima e agora tem 57%. Zé Ronaldo, candidato do DEM, manteve o número apresentado no levantamento anterior: 16%.

Confira os números:

Rui Costa (PT) 57%
Zé Ronaldo (DEM) 16%
Marcos Mendes (Psol) 3%
João Santana 1%
João Henrique (PRTB) 1%
Célia Sacramento (Rede) e Orlando Andrade (PCO) têm, juntos, 1%.
Nulo/branco 13%
Indecisos 8%

Quando são considerados apenas os votos válidos, o cenário mostra que Rui Costa seria reeleito no primeiro turno com 72%. Neste caso, Zé Ronaldo teria 21%; Marcos Mendes, 4%; João Santana e João Henrique teriam 1% cada; e os demais candidatos também teriam 1%.

Veja o comparativo entre as pesquisas Real Time Big Data para o governo da Bahia:

O levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) com o número BA-01122/2018. O instituto Real Time Big Data ouviu 1.200 eleitores nesta terça-feira (2) com entrevistas por telefone. O nível de confiança é de 95%, a margem de erro é de 3% para mais ou para menos.

A pesquisa Datafolha, contratada pelo jornal Folha de S. Paulo, divulgada na noite desta terça-feira (2) traz um cenário de crescimento do candidato Jair Bolsonaro (PSL) no Nordeste do país na corrida presidencial.

Em 28 de setembro, o deputado federal tinha 16% das intenções de voto. Agora, subiu para 20%. O líder entre o eleitorado nordestino continua sendo o candidato do PT, Fernando Haddad. O petista tinha 38% no levantamento anterior, mas aparece no atual estudo com 36%.

Outro presidenciável que oscilou negativamente na região foi o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), que tinha 15% e foi para 14%.

Geraldo Alckmin (PSDB) manteve os 7% que apresentou na pesquisa do final de setembro. Marina Silva (Rede) tinha 5%, agora aparece com 4%.

Confira:

A pesquisa Datafolha ouviu 3.240 eleitores em 225 municípios brasileiros e foi realizada ao longo desta terça-feira (2). A margem de erro é de 2% para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral com o número BR-03147/2018.

A seis dias da eleição, uma nova pesquisa Ibope para presidente mostrou o candidato Jair Bolsonaro (PSL) na liderança isolada com 31% das intenções de voto. No estudo divulgado nesta segunda-feira (1°), o militar cresceu 4% em relação a última pesquisa divulgada pelo instituto.

Em segundo lugar, o nome do PT na disputa, Fernando Haddad, se manteve com 21%. A seguir aparecem Ciro Gomes (PDT), que oscilou de 12% para 11% e Geraldo Alckmin (PSDB), que manteve seus 8%. Marina Silva (Rede) passou de 6% para 4%, alcançou sua taxa mais baixa desde o início da campanha e empatou tecnicamente com João Amoedo (Novo).

O Ibope ouviu 3.010 eleitores, em 208 municípios, entre os dias 29 e 30 de setembro. A margem de erro máxima é de dois pontos porcentuais, e o nível de confiança, de 95%. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR–08650/2018.

O prefeito de Vitória da Conquista, no sudoeste, Herzem Gusmão, resolveu se antecipar e declarou voto no deputado federal Jair Bolsonaro, caso o candidato vá para o segundo turno. Conforme o Blog do Anderson, a declaração foi feita na noite desta segunda-feira (1°) em uma reunião no comitê de um vereador, que é candidato a deputado estadual. Herzem disse preferir o ex-capitão do Exército ao PT.

“Eu estimulei o voto útil em todos os níveis. Agora, declarei apoio a Bolsonaro no segundo turno e declarei que nosso adversário é o PT. Portanto, eu estive no evento de Henrique Meirelles, apontei a importância do voto em João Santana, mas no segundo turno estou declarando meu apoio a Bolsonaro”, disse ao Blog.