Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Quarta, 03 Junho 2020
Parcialmente Nublado

21°C

Condeúba

Parcialmente Nublado

Umidade: 87%

Vento: 8 km/h

Quarta, 13 Abril 2016

BRG
O deputado estadual Herzem Gusmão (PMDB) conseguiu aprovar sua proposta de Audiência Pública para tratar do retorno do Programa Sua Nota é um Show. A Comissão Especial de Desporto, Paradesporto e Lazer, da Assembleia Legislativa da Bahia, deu o parecer favorável a audiência, por unanimidade, na manhã desta quarta-feira (13).

“Fiz um apelo para que fosse dada uma atenção especial ao esporte de quadra (basquete, vôlei, handebol, futsal, atletismo e natação). O esporte era muito valorizado na década de 70, com Jogos Abertos de Interior. Esperamos que o governo e que esta Comissão dê uma contribuição para o fortalecimento do esporte amador, tão importante para a formação dos nossos jovens”, destacou Herzem.

A audiência deverá contar com a presença da Secretaria da Fazenda, a Federação Bahiana de Futebol, além dos presidentes dos clubes da Primeira e Segunda Divisão.

O Programa “Sua Nota é um Show” foi lançado em 2000, na época do governo Paulo Souto, e garantiu uma média de 5 mil torcedores nos estádios no interior até o ano de 2011.. O torcedores permutavam as Notas Fiscais por ingressos na parceria firmada entre a Federação Bahiana de Futebol e a Secretaria da Fazenda.

Publicado em Bahia

BN

Às vésperas da votação do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff (PT), marcado para este domingo (17), o placar do Estadão aponta na manhã desta quinta-feira (14) que 333 deputados são a favor da proposta enquanto 124 são contra. Os indecisos são 25 e 31 deputados não quiseram responder. Até esta quarta-feira (13), 299 se declaravam a favor, 123 contra, 48 estavam indecisos e 43 não quiseram responder. Na Bahia, o placar segue o mesmo: 17 deputados baianos apoiam Dilma enquanto 16 são a favor do impeachment. Cinco estão indecisos e o deputado Mário Negromonte Jr (PP) não quis responder.

Publicado em Política

A crise econômica e política que tem afetado o país nos últimos meses, assim como as estrategias dos governos estaduais e federal em reduzir custos, fez mais uma vítima. Dessa vez, o Governo do Estado da Bahia, por meio da Empresa Baiana de Alimentos (EBAL) determinou o fechamento da Cesta do Povo de Condeúba. Cerca de 60 unidades em todo o estado já foram fechadas ou estão em processo de fechamento. Uma foto do caminhão que recolheu os móveis restantes da unidade circula pelas redes sociais sendo acompanhada por comentários de usuários que lamentam o fato. O Governo da Bahia, sob a gestão Rui Costa (PT) determinou os encerramentos sob argumento de que a empresa gera prejuízos ao governo baiano.

Conforme informações, a EBAL iria a leilão, na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), em março, mas foi adiado e não tem mais data prevista. A primeira data prevista foi 8 de janeiro. O preço mínimo divulgado pelo Governo Baiano foi R$ 81 milhões. Em tempo, as demissões e incertezas quanto ao futuro têm deixado funcionários apreensivos, mesmo aqueles concursados. A maior queixa de quem ainda não foi demitido é a falta de transparência no processo.

Publicado em Condeúba

A Agência Brasileira de Inteligência (Abin) identificou uma ameaça contra o Brasil postada no Twitter de um terrorista francês. "Brasil, vocês são nosso próximo alvo. Podemos atacar esse país de merda”, diz mensagem. A postagem foi realizada uma semana depois dos atentados de Paris, que deixaram 129 pessoas mortas. Maxime Hauchard, 22 anos, que aparece em vídeos do Estado Islâmico decapitando sírios, já teve sua conta do Twitter suspensa.

“Monitoramos e percebemos que o perfil realmente era do Maxime, um dos líderes do Estado Islâmico. A partir do momento da postagem houve uma maior intensidade nos discursos de agressividade dos autoproclamados seguidores do grupo terrorista no Brasil”, afirmou o diretor de Contraterrorismo da agência, Luiz Alberto Sallaberry. Ainda segundo o diretor, no Brasil há um crescimento no número de pessoas que dizem ter feito o juramento ao califado do Estado Islâmico. O juramento pode ser feito, inclusive, pela internet.

Publicado em Brasil
X

Proteção de Conteúdo

Conteúdo protegido por direitos autorais. Para obter autorização de reprodução, envie um e-mail para [email protected]