Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Sexta, 22 Fevereiro 2019

Cannot get Condeúba location id in module mod_sp_weather. Please also make sure that you have inserted city name.

A Associação de Praças da Polícia e Bombeiro Militar da Bahia (APPMBA) se reuniu, na noite desta quarta-feira (5), para discutir as propostas do projeto de Reforma Administrativa apresentadas pelo Governo do Estado no "pacotão" enviado para a Assembleia Legislativa da Bahia.

Em especial, foi discutida a contribuição previdenciária no que tange o aumento da alíquota, de 12% a 14%, e a redução do teto remuneratório, propostos no Art. 4º do PL 22.971/18. Ainda na pauta, os representantes discutiram temas como o programa habitacional para servidores de segurança pública, Planserv e outros assuntos que poderão causar impactos econômicos, como a redução salarial da tropa.

A reunião também contou com a participação da Associação dos Oficiais Militares Estaduais da Bahia - Força Invicta, com o Sindicato dos Delegados de Polícia da Bahia - ADPEB, e com o Sindicato dos Policiais Civis da Bahia - SINDIPOC, SINSPEB e ASBAC.

 

Fonte: Bocão News

O presidente eleito Jair Bolsonaro vai se reunir com Sergio Moro ainda nesta quinta-feira (1). O juiz será convidado formalmente para comandar o Ministério da Justiça.

O contato inicial foi feito por Paulo Guedes na quinta-feira passada.As informações são do O Antagonista.

Depois de muitos elogios, o candidato ao governo do Estado Zé Ronaldo (DEM) confirmou seu apoio a Jair Bolsonaro (PSL) já no primeiro turno da eleição presidencial. Até então, o partido Democratas apoia a candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB).

"Domingo eu vou votar para derrotar o PT. Portanto, o voto domingo é o voto útil", ressaltou o ex-prefeito de Feira de Santana, citando nominalmente o candidato do PSL.

 A declaração foi dada agora há pouco, durante suas considerações finais no debate da Rede Bahia, que acabou no início da madrugada desta quarta-feira (3). “Eu disse na hora que eu entrei nessa casa que eu estou ouvindo nas ruas que o candidato pra derrotar o PT é o Bolsonaro. Então, se o meu desejo é esse…”, esclareceu o democrata.

Pressionado pela imprensa a definir sua posição, ele disse que não estava pedindo voto para ninguém, mas voltou a repetir que vai fazer o necessário para derrotar o PT nesta eleição. Bolsonaro é líder de intenções de votos para a Presidência da República, mas é também o candidato mais rejeitado. Manifestações em apoio à sua candidatura e também contrárias têm sido realizadas em todo o país.

O instituto Real Time Big Data realizou novo estudo sobre a intenção de votos para governador da Bahia. A pesquisa divulgada nesta quarta-feira (3) pela RecordTV Itapoan mostra que o governador Rui Costa (PT), candidato à reeleição, oscilou um ponto para cima e agora tem 57%. Zé Ronaldo, candidato do DEM, manteve o número apresentado no levantamento anterior: 16%.

Confira os números:

Rui Costa (PT) 57%
Zé Ronaldo (DEM) 16%
Marcos Mendes (Psol) 3%
João Santana 1%
João Henrique (PRTB) 1%
Célia Sacramento (Rede) e Orlando Andrade (PCO) têm, juntos, 1%.
Nulo/branco 13%
Indecisos 8%

Quando são considerados apenas os votos válidos, o cenário mostra que Rui Costa seria reeleito no primeiro turno com 72%. Neste caso, Zé Ronaldo teria 21%; Marcos Mendes, 4%; João Santana e João Henrique teriam 1% cada; e os demais candidatos também teriam 1%.

Veja o comparativo entre as pesquisas Real Time Big Data para o governo da Bahia:

O levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) com o número BA-01122/2018. O instituto Real Time Big Data ouviu 1.200 eleitores nesta terça-feira (2) com entrevistas por telefone. O nível de confiança é de 95%, a margem de erro é de 3% para mais ou para menos.

A pesquisa Datafolha, contratada pelo jornal Folha de S. Paulo, divulgada na noite desta terça-feira (2) traz um cenário de crescimento do candidato Jair Bolsonaro (PSL) no Nordeste do país na corrida presidencial.

Em 28 de setembro, o deputado federal tinha 16% das intenções de voto. Agora, subiu para 20%. O líder entre o eleitorado nordestino continua sendo o candidato do PT, Fernando Haddad. O petista tinha 38% no levantamento anterior, mas aparece no atual estudo com 36%.

Outro presidenciável que oscilou negativamente na região foi o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), que tinha 15% e foi para 14%.

Geraldo Alckmin (PSDB) manteve os 7% que apresentou na pesquisa do final de setembro. Marina Silva (Rede) tinha 5%, agora aparece com 4%.

Confira:

A pesquisa Datafolha ouviu 3.240 eleitores em 225 municípios brasileiros e foi realizada ao longo desta terça-feira (2). A margem de erro é de 2% para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral com o número BR-03147/2018.

A seis dias da eleição, uma nova pesquisa Ibope para presidente mostrou o candidato Jair Bolsonaro (PSL) na liderança isolada com 31% das intenções de voto. No estudo divulgado nesta segunda-feira (1°), o militar cresceu 4% em relação a última pesquisa divulgada pelo instituto.

Em segundo lugar, o nome do PT na disputa, Fernando Haddad, se manteve com 21%. A seguir aparecem Ciro Gomes (PDT), que oscilou de 12% para 11% e Geraldo Alckmin (PSDB), que manteve seus 8%. Marina Silva (Rede) passou de 6% para 4%, alcançou sua taxa mais baixa desde o início da campanha e empatou tecnicamente com João Amoedo (Novo).

O Ibope ouviu 3.010 eleitores, em 208 municípios, entre os dias 29 e 30 de setembro. A margem de erro máxima é de dois pontos porcentuais, e o nível de confiança, de 95%. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR–08650/2018.

O prefeito de Vitória da Conquista, no sudoeste, Herzem Gusmão, resolveu se antecipar e declarou voto no deputado federal Jair Bolsonaro, caso o candidato vá para o segundo turno. Conforme o Blog do Anderson, a declaração foi feita na noite desta segunda-feira (1°) em uma reunião no comitê de um vereador, que é candidato a deputado estadual. Herzem disse preferir o ex-capitão do Exército ao PT.

“Eu estimulei o voto útil em todos os níveis. Agora, declarei apoio a Bolsonaro no segundo turno e declarei que nosso adversário é o PT. Portanto, eu estive no evento de Henrique Meirelles, apontei a importância do voto em João Santana, mas no segundo turno estou declarando meu apoio a Bolsonaro”, disse ao Blog.

A atriz Regina Duarte deu indícios de que participou de ato em favor do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), realizado neste domingo (30), na avenida Paulista, em São Paulo. O evento foi uma resposta a manifestações contrárias ao candidato promovidas por mulheres em todo o país no sábado (29), parte do movimento #EleNão.

Em seu Instagram, a atriz, que é conhecida por ser opositora ao PT, postou dois vídeos que indicam apoio a Bolsonaro. Um deles mostra pessoas fazendo exercícios no parque Ibirapuera. Na legenda, ela escreveu: "Hoje pela manhã, antes da chuva , foi domingão paulista com parque, manifestação e chuva forte". Em outro vídeo, ela gravou imagens da chuva e, na sequência, mostrou uma bandeira do Brasil. Também postou críticas ao PT.

No sábado (29), ela se manifestou contra o movimento #EleNão, que reuniu milhares de pessoas em mais de 30 cidades do país. Também em seu Instagram, postou uma imagem de um palhaço e a frase: "As 'Ele Não' não revelam qual é o 'Ele sim' delas".

Os atos contra Bolsonaro reuniram várias celebridades, como Bruna Linzmeyer, Paula Lavigne, Letícia Sabatella, Sophie Charlotte e o marido, Daniel de Oliveira, Paula Burlamaqui, Nanda Costa, Juliana Alves, Débora Lamm, Françoise Forton, Fernanda Paes Leme entre outros artistas.

Regina Duarte costuma causar polêmica por suas posições políticas. Em 1985, ela apoiou Fernando Henrique Cardoso (PSDB) à Prefeitura de São Paulo. Em 2002, participou do programa eleitoral do então candidato à presidência José Serra (PSDB), quando falou a famosa frase "Estou com medo", em relação a uma possível vitória de Lula (PT). Em 2014, a atriz declarou apoio ao candidato Aécio Neves (PSDB).