Login to your account

Username *
Password *
Remember Me

Create an account

Fields marked with an asterisk (*) are required.
Name *
Username *
Password *
Verify password *
Email *
Verify email *
Captcha *
Reload Captcha
Quinta, 19 Julho 2018
18°C

Condeúba

Parcialmente nublado Humidade: 73%
Vento: E22.53 km/h

Manhã de quarta-feira (23) sem ônibus, por conta da greve geral, e com manifestações em rodovias baianas. Os caminhoneiros fecharam por volta das 10h30 a BR-324 sentido Salvador e Feira de Santana. Eles estão em campanha contra o aumento da gasolina.  

Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF) houve manifestação em várias BRs Em Ipiaú, na BR 330, Itatim, no km 520 da BR 116, Senhor do Bonfim, KM 131 BR 407, Capim Grosso, KM 230 BR 407,Itabuna, no km 507 da BR 101, em Gandu/BA, na BR 101, km 361, Vitória da Conquista, KM 814 da BR 116, dentre outras BRs. 

Manhã de quarta-feira (23) sem ônibus, por conta da greve geral, e com manifestações em rodovias baianas. Os caminhoneiros fecharam por volta das 10h30 a BR-324 sentido Salvador e Feira de Santana. Eles estão em campanha contra o aumento da gasolina.  

Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF) houve manifestação em várias BRs Em Ipiaú, na BR 330, Itatim, no km 520 da BR 116, Senhor do Bonfim, KM 131 BR 407, Capim Grosso, KM 230 BR 407,Itabuna, no km 507 da BR 101, em Gandu/BA, na BR 101, km 361, Vitória da Conquista, KM 814 da BR 116, dentre outras BRs. 

A cidade de Brumado está sem combustíveis e sem gás de cozinha nos postos de revenda, nesta quarta-feira (23). Segundo apurou o site Achei Sudoeste, com a paralisação dos caminhoneiros que bloqueiam várias rodovias federais e estaduais em diversas partes do Brasil, em protesto contra os altos preços dos combustíveis, vários suprimentos e serviços já começaram a faltar ou ficar escassos em algumas localidades.

Com a notícia que logo se espalhou nas redes sociais, na tarde de terça-feira (22), consumidores do município de Brumado correram para os postos de combustíveis para garantirem o abastecimento dos seus veículos, o que provocou imensas filas. Por volta de 21h, não havia mais nenhum combustível na cidade. Alguns postos deixaram uma pequena reserva para abastecimento de emergência dos serviços essenciais, como viaturas da polícia e ambulâncias.

O mesmo aconteceu com o gás de cozinha: as últimas botijas cheias em alguns postos de revenda terminaram na manhã de hoje (23). Enquanto isso, as manifestações dos caminhoneiros seguem ganhando mais adeptos na rótula de entroncamento da BA-262 com a BR-030.

Sem um acerto entre Petrobrás, governo e manifestantes, não há previsão para o reabastecimento dos combustíveis na cidade. O temor de alguns populares agora é com a possível falta de produtos alimentícios, já que não está sendo permitida a entrada de mercadorias na cidade.

 

O preço do litro da gasolina ‘inchou’ em Vitória da Conquista, a 150 km de Condeúba. Devido aos protestos dos caminhoneiros e que impedem o abastecimento em todo o país. Em ruas próximas aos postos de combustíveis longas filas se formaram.

A cidade simplesmente ‘travou’. Em alguns postos o valor do litro da gasolina chega a R$5,50, revoltando ainda mais motoristas e motociclistas. De acordo com o Blog do Rodrigo Ferraz, ainda não se sabe até quando os protestos vão continuar. Na BR-116 caminhoneiros estão de plantão e só permitem a passagem de carros de passeio, ônibus e ambulâncias.

 

 Os policiais civis estão à procura do tucano em vários endereços de Belo Horizonte desde as 6h desta quarta-feira.
 
De acordo com o delegado Carlos Capistrano, desde o início da manhã a Polícia Civil não está conseguindo contato com os advogados do tucano.  A expectativa é que Azeredo se entregue à polícia ainda nesta manhã. 

O mandado de prisão foi expedido após os desembargadores da 5ª Câmara Criminal negaram o último recurso apresentado pela defesa para tentar reverter a condenação a 20 anos e um mês de prisão no caso do mensalão mineiro. 

Eduardo Azeredo foi condenado sob a acusação de ter desviado R$ 3,5 milhões para a campanha eleitoral de 1998, quando foi derrotado por Itamar Franco na disputa pela reeleição. O dinheiro seria destinado para o patrocínio do Iron Biker, Supercross e Enduro da Independência - todos eventos esportivos. 

afirma o procurador na ação. A divisão dos frutos da lavoura cacaueira era realizada de maneira desproporcional, ficando a maior parte da colheita (55%) com o empregador. Além disso, as vítimas eram proibidas de vender livremente a parte que lhes cabia, sendo obrigadas a negociar exclusivamente com o comprador indicado pelos denunciados, ainda que por valores abaixo do mercado.

O salário das vítimas era em média R$ 350,00 por mês, e eles chegavam a ficar sem remuneração quando não havia colheita do cacau, embora continuassem trabalhando na manutenção da área. Uma vez por semana, elas eram obrigadas a prestar serviços “gratuitos” na área exclusiva do proprietário, para pagamento da energia elétrica de suas residências, apesar do baixo valor das contas - cerca de R$ 25,00 por mês. Além disso, os trabalhadores nunca tiveram o vínculo registrado na carteira de trabalho e as despesas com os equipamentos de proteção individual e ferramentas para o trabalho eram custeadas por eles mesmos.

O MPF requer a condenação de Gilson Muniz Dias, Antônio Fernando de Jesus Silva, Ivan Carlos de Almeida Maia e Antônio Marcos Brito Miguel pelo crime de redução a condição análoga à de escravo, previsto no art. 149 do Código Penal (CP).
 

Pressionado pelos correligionários de MDB a desistir da reeleição e assumir publicamente a pré-candidatura à Presidência de Henrique Meirelles, o presidente Michel Temer seguiu o desejo do partido e lançou na manhã desta terça-feira o nome do ex-ministro da Fazenda.

Ao discursar para uma plateia de emedebistas no lançamento do documento “Encontro com o futuro”, realizado na Fundação Ulysses Guimarães, Temer se referiu a Meirelles como “o melhor entre os melhores” para representar o partido e o campo de centro nas eleições presidenciais de outubro.

De acordo com o jornal O Globo, ao declarar apoio ao ex-ministro da Fazenda, Temer abandona suas pretensões eleitorais e, por consequência, sua carreira nas urnas. “Ficarei orgulhosíssimo se um dia Meirelles for proclamado, pelo voto popular, presidente do Brasil. O Meirelles é o melhor entre os melhores. Por isso, tem condições de estar à frente do nosso partido e à frente da nossa campanha eleitoral. Chamamos você e chamamos para ser presidente do Brasil!”, discursou Temer.

 

Após uma sequência de reajustes praticamente diários, a Petrobras reduzirá os preços da gasolina em 2,08% e os do diesel em 1,54% nas refinarias a partir desta quarta-feira (23), em meio a discussões dentro do governo sobre a alta dos preços dos combustíveis e protestos de caminhoneiros.

Segundo informou a petroleira, o preço da gasolina nas refinarias cairá de R$ 2,0867 o litro para R$ 2,0433 a partir desta quarta. Já o preço do diesel será reduzido de R$ 2,3716 para R$ 2,3351.

A Petrobras adota novo formato na política de ajuste de preços desde 3 de julho do ano passado. Pela nova metodologia, os reajustes acontecem com maior frequência, inclusive diariamente, refletindo as variações do petróleo e derivados no mercado internacional, e também do dólar. Somente na semana passada, foram 5 reajustes diários seguidos.

Na véspera, a estatal tinha anunciado um novo aumento nos preços do diesel e da gasolina, elevando os preços dos combustíveis para novas máximas dentro da política da estatal. Desde o início da nova sistemática de reajustes adotada pela Petrobras, o preço da gasolina comercializada nas refinarias acumulava aumento de 58,76% e o do diesel, de 59,32%, segundo o Valor Online.

Postos de combustíveis no município de Brumado já começam a faltar gasolina, álcool e óleo diesel. Isso porque com a mobilização dos caminhoneiros em diversas cidades da Bahia, faz com que os combustíveis não cheguem aos postos da cidade. Na capital do minério, os caminhoneiros realizam manifestação pacífica na rótula de entroncamento entre a BA-262 a BR-030. A paralisação em diversas cidades do Brasil é contra a alta nos preços dos combustíveis e a lei federal que dá autonomia à Petrobras para reajustar os valores indiscriminadamente. Muitos motoristas já lotam os postos da cidade e estão antecipando o abastecimento devido a greve dos caminhoneiros em favor da redução do preço dos combustíveis.

Acompanhando a luta dos aprovados em concurso da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) para que o governo promova as nomeações aos cargos na área de saúde do estado, o deputado estadual Leur Lomanto Jr (DEM), condenou a declaração do governador Rui Costa (PT), hoje (21), em Jequié de que não deve convocar os concursados.

Leur Jr. aguarda a aprovação do pedido junto a Comissão de Saúde e Saneamento da Assembleia Legislativa para a realização de uma audiência sobre o assunto.

“O governador tenta desqualificar uma luta que é justa. Além disso, desrespeita uma decisão judicial que confirmou o direito dos candidatos do concurso à nomeação e determinou a obrigatoriedade do estado da Bahia em se abster de promover contratações na forma de REDA ou terceirização, enquanto existirem candidatos aprovados para tais cargos. É um absurdo que o governador hoje elimine a possibilidade daqueles que se prepararam e que foram aprovados para exercerem os cargos na área de saúde”, afirmou.

Durante inauguração da nova ala do Hospital Prado Valadares em Jequié, o governador afastou a possibilidade de convocação dos concursados. Consta que as novas vagas serão preenchidas por terceirizados.

Uma parceria entre a prefeitura municipal e o governo do estado viabilizou a construção de uma pequena barragem na Mandassaia do Alegre, zona rural de Condeúba. Está obra já havia sido licitada por 2 vezes pelo governo do estado, mas todas as empresas vencedoras não conseguiram executar o contrato devido ao valor defasado da obra.

Em parceria com o governo do estado, a prefeitura municipal de Condeúba ofereceu as contrapartidas necessárias para que fosse possível viabilizar o início da obra que vai beneficiar famílias que sofriam com sérios problemas para o abastecimento de água. "Fomos ao governador, dialogamos e de pronto oferecemos todos os recursos necessários para tirar essa obra do papel. Tem caminhões e máquinas bancadas pela prefeitura trabalhando diariamente e também estamos colocando pedras na obra para que saia o mais rápido possível e passe a servir o povo dessa região. Água é um bem precioso para a manutenção da vida e merece ser tratada com prioridade" Declarou o prefeito Silvan.

Prefeito Silvan acompanhando engenheiros que fazem a fiscalização da obra

Além dessa, outras pequenas barragens estão em andamento no município, fruto também de parceria, conforme informou o secretário municipal de obras, transporte e infraestrutura.